escalando memcache no facebook

fblogoOs blogs de programadores e “engenheiros” são sempre muito loucos. Especialmente esses que trabalham em ambientes com grande volume de dados, onde surgem problemas bizarros de infra-estrutura e o software precisa ser adaptado para funcionar direito e economizar recursos, tipo: google, youtube, amazon, flickr, wordpress, twitter, facebook, etc.

Hoje, enquanto trocava umas receitas de pão caseiro com Gleicon pelo msn, ele mandou um link do blog do Paul Saab, engenheiro do facebook. Nesse artigo, ele fala como resolveram um problema de escala do memcached, que roda em cerca de 800 servidores e provê cerca de 28 terabytes de memória RAM pra manter o sistema mais rápido e eficiente.

Também, fala sobre alguns problemas que enfrentaram com I/O de rede, e algumas limitações do linux que precisaram de ajustes para melhorar o desempenho em máquinas eight-core.

Aproveitando a deixa sobre sistemas escaláveis, um site que não pode deixar de ser lembrado é o highscalability.com, que conta com alguns artigos interessantes sobre esses mega sites como os que citei acima.

Lá é possível encontrar informações como:

O interessante disso, é saber a tecnologia que move esses sistemas. Linguagens de programação, bancos de dados, e o modelo usado para escalar e manter o sistema sempre disponível para nós, usuários.

wordpress1Ainda sobre o mesmo assunto, me lembro de ter lido no blog do Barry, engenheiro do wordpress.com, um artigo sobre a atualização do load-balancer que usam para distribuir a carga de acesso ao site entre os diversos servidores.

Basicamente, substituiram o software que vinham usando nos últimos 2 anos, Pound, pelo webserver e proxy reverso que parece ser a melhor alternativa nos dias de hoje: nginx (engine x).

O mais interessante, pra mim, em tudo isso, é que a equipe de desenvolvimento e infra-estrutura consegue otimizar ao máximo os recursos computacionais disponíveis, e o resultado disso é uma economia de dinheiro, redução de custos inteligente e eficaz – diferente do que costumamos ver por aqui.

[update]: Apresentação sobre Ruby on Rails acelerado pelo nginx.

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s