teclado us-intl e acentuação

Normalmente evito teclado ABNT2 (aquele com c-cedilha, etc). Desde criança acostumei com layout de teclado americano (US), e hoje em dia com os notebooks importados nem há outra opção.

layout us-intl

Pra habilitar a acentuação, é só especificar o mapa de teclado como US International (us-intl) em qualquer sistema operacional. Esse teclado tem o mesmo layout do US, porém habilita o uso de dead-keys e usando o “Alt” do lado direito, permite escrever diversos outros caracteres – aliás, o “alt” da direita com a letra “c” serve pra escrever o c-cedilha.

Uso esse layout no Ubuntu e no Windows XP (que está no VMWare). No Ubuntu, quando preciso escrever algum caracter que não está no us-intl (tipo o ª), uso o programa gnome-character-map que mostra uma tabela com todos os caracteres disponíveis em cada fonte instalada no sistema e permite copiar pra depois colar em outro lugar.

Anúncios

One Comment on “teclado us-intl e acentuação”

  1. Bruno Tikami disse:

    Fala Alex, blz?

    No Ubuntu, você também pode habilitar uma composite key e voltar aos tempos da máquina de escrever. O uso fica algo do tipo : + , + c e isso gera um ç. A mesma coisa vale para acentos e tudo (que as máquinas de escrever permitiam) mais.

    []s!

    Tkm


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s